JOVEM SE SUICIDA DEPOIS DE NÃO PODER SUPERAR TRAUMA DO ABORTO




Uma jovem britânica, mãe solteira, se suicidou quase um mês depois de praticar um aborto, “perseguida” pela decisão que havia tomado, segundo informações da imprensa local.

Jade Rees, de 21 anos, tinha um filho de dois anos, de uma relação anterior. Começou um novo noivado no início de 2015 e ficou grávida. Entretanto, seu noivo terminou a relação e ela, sozinha e passando por uma depressão, se submeteu a um aborto em outubro do ano passado.

Acesse:

No dia 3 de novembro, três semanas depois, a jovem se suicidou enforcando-se em seu quarto. No seu celular escutava a canção “Small bump” (“pequena saliência”) de Ed Sheeran, a qual relata um caso de um aborto espontâneo.

Na canção de Sheeran se escutam frases como “Você era apenas uma pequena saliência ainda não nascida. Por quatro meses, e então foi tirada da vida. E talvez precisassem de você lá em cima. Mas nós ainda não sabemos o porquê”.

Segundo o jornal britânico ‘The Daily Mail’, depois do aborto, Jade ficou “triste e angustiada”. Em uma carta dirigida aos seus pais e ao seu filho pequeno, Jade explicou o sofrimento que enfrentava após submeter-se ao aborto. 

Fonte: ACI


JOVEM SE SUICIDA DEPOIS DE NÃO PODER SUPERAR TRAUMA DO ABORTO JOVEM SE SUICIDA DEPOIS DE NÃO PODER SUPERAR TRAUMA DO ABORTO Reviewed by Eu & Deus on abril 07, 2016 Rating: 5